Início
  • A Paróquia
  • Horário de Missas
  • Agenda Paroquial
  • Pastorais
  • Movimentos
  • Comunidades
  •  
    Palavra de Salvação
     

    29º DOMINGO DO TEMPO COMUM

    “O FILHO DO HOMEM, QUANDO VIER, SERÁ QUE AINDA VAI ENCONTRAR FÉ SOBRE A TERRA?”

    Lemos no 29º Domingo do Tempo Comum o evangelho de Lc 18,1-8. Jesus está a caminho de Jerusalém. Esta caminhada teve início no capítulo 9 de Lucas e durante os domingos deste ano estamos lendo os acontecimentos dessa viagem, contudo esta não é uma viagem qualquer. É ocasião para a realização de muitos milagres e muitos ensinamentos. No evangelho deste domingo Jesus fala da necessidade de orar sempre. Este texto é semelhante ao da parábola do amigo importuno que vem pedir pão a meio da noite e que é atendido por causa da sua insistência (cf. Lc 11,5-8).

    Lucas escreve para cristãos que sofrem perseguições por causa da fé, por isso, ele extrai lições para as comunidades perseguidas: Deus não abandonará os eleitos, eles precisam se manter fiéis, por isso, a necessidade da oração até que o Senhor venha.

    O evangelho tem duas partes, sendo que, na primeira Jesus se vale de uma parábola para ilustrar a necessidade da fidelidade na oração. Nessa parábola Jesus não tem escrúpulos em comparar a ação Divina com aquilo que ocorre na fragilidade humana: um magistrado para não ser incomodado faz justiça a uma viúva.

    Apresentada a parábola, vem a sua aplicação teológica (vers. 6-8). Se um juiz insensível é capaz de resolver o problema da viúva por causa da sua insistência, Deus não iria escutar os “seus eleitos que por Ele clamam dia e noite e iria fazê-los esperar muito tempo?” É claro que Deus, que é rico em misericórdia, estará atento às súplicas dos seus filhos.

    Essa parábola é dirigida a uma comunidade que sofre por conta da hostilidade a fé cristã e que, por conta disso, estava ficando desanimada em função da perseguição. Neste momento de crise a comunidade passava por uma experiencia de aridez, pois parecia que Deus não escutava as súplicas dos crentes e não intervinha no mundo para salvar a sua Igreja.

    Lucas responde mostrando aos leitores que Deus não abandonou o seu povo. Deus tem um projeto e que no devido momento irá intervir para fazer justiça. O evangelista pede aos cristãos que, apesar do aparente silêncio de Deus, não deixem nunca de dialogar com Ele por meio da oração. Esse evangelho serve para cada um de nós. Apesar das dificuldades da vida nós não devemos deixar de confiar em Deus e de elevar até Ele as nossas súplicas.

    Referências:

    BROW, Raimond; FITZMYER, Joseph A.; MURPHY, Roland E. Novo Comentário bíblico São Jerônimo. São Paulo: Academia Cristã; Paulus, 2011.

    FABRIS, Rinaldo; MAGGIONI, Bruno. Os evangelhos II. 3 ed. São Paulo: Loyola, 1998.

    www.dehonianos.org

     
     
    Clique aqui e
    confira a programação!
     
    INDIVIDUALMENTE OU EM ROMARIA, VENHA NOS VISITAR!
    Praça Senhor Bom Jesus de Matosinhos, 309 - Matosinhos - São João Del Rei | MG - cep: 36305142
    Contatos: (32) 3371-5224 (Secretaria Paroquial) e 032 9 9954 2266 (Whatsapp)
    E-mail: sbjmatosinhos@mgconecta.com.br