Início
  • A Paróquia
  • Horário de Missas
  • Agenda Paroquial
  • Pastorais
  • Movimentos
  • Comunidades
  •  
    Notícia
     
    SETENÁRIO DAS DORES - 5ª DOR
     
    Data da publicação: 22 de março de 2018
     

    Por Célia de Paula - 22 de março de 2018

    Na noite de quarta-feira, 21, após a celebração da Santa Missa das 19h, no Santuário, presidida pelo nosso vigário paroquial Pe. Jorge Wilson, aconteceu as orações e reflexão da 5ª dor da virgem Maria."Jesus morre, deixando Maria na mais negra escuridão! Sem duvidar um só instante, ela, contida, aceitou a vontade de Deus e, no seu doloroso silêncio, entregou ao Pai sua imensa dor." Pe. Jorge em sua reflexão destacou "Maria tem muito a nos ensinar nesta dor, neste momento doloroso. Ela pode fortalecer em nós esta chama da fé, que tantas vezes é enfraquecida diante da dor. Pedimos a Deus para encarar o sofrimento sobre a proteção e o olhar daquela Mãe que não nos desampara nunca".

    5ª dor - Aos pés da Cruz

    Contemplemos Maria aos pés da Cruz, assistindo à morte de Jesus, com a alma e o coração transpassados com as mais cruéis dores! Não nos escandalizemos com o que fizeram os judeus! Eles diziam: 'Se Ele é Deus, por que não desce da cruz e se livra a si próprio?!' Infelizes aqueles que não crêem que Jesus é o Messias. Não podem compreender que um Deus se humilhasse tanto e que a sua divina doutrina pregava a humildade. Jesus precisava dar o exemplo, para que seus filhos tivessem a força de praticar uma virtude, que tanto custa aos filhos deste mundo, que têm nas veias a herança do orgulho. Infelizes os que, à imitação dos que crucificaram a Jesus, ainda hoje não sabem se humilhar! 

    Depois de três horas de tormentosa agonia, Jesus morre, deixando Maria na mais negra escuridão! Sem duvidar um só instante, ela, contido, aceitou a vontade de Deus e, no seu doloroso silêncio, entregou ao Pai sua imensa dor, pedindo, como Jesus, perdão para os criminosos. Entretanto, quem a confortou nessa hora angustiosa? Fazer a vontade de Deus foi o seu conforto; saber que o Céu foi aberto para todos os filhos foi seu consolo! Porque Maria também no Calvário foi provada com o abandono de toda consolação! 

    Sofrer em união com os sofrimentos de Jesus encontra consolo; sofrer por ter feito o bem neste mundo, recebendo desprezos e humilhações encontra força. Que glória para nossas almas se um dia, por amarmos a Deus com todo o nosso coração, formos também perseguidos! Aprendamos a meditar muitas vezes esta dor, que ela nos dará força para sermos humildes: virtude amada de Deus e dos homens de boa vontade. 

    Fotos: Célia de Paula

     
     
     
    Compartilhe:
     
    < voltar
     
    Clique aqui e
    confira a programação!
     
    INDIVIDUALMENTE OU EM ROMARIA, VENHA NOS VISITAR!
    Praça Senhor Bom Jesus de Matosinhos, 309 - Matosinhos - São João Del Rei | MG - cep: 36305142
    Contatos: (32) 3371-5224 (Secretaria Paroquial) e 032 9 9954 2266 (Whatsapp)
    E-mail: sbjmatosinhos@mgconecta.com.br